Padrão

Caminho da Fé – 3ª Etapa-Aguá da Prata/ Andradas

30 de julho de 2018

No Caminho da Fé – 3ª Etapa 

Águas da Prata / Andradas

Assim como nos dias anteriores, levantamos muito cedo e antes de seguir passamos na Pousada do Peregrino. É na pousada que fica  sede do Caminho da Fé, pois foi em Águas da Prata que nasceu a Associação. Ainda hoje mantida por um dos fundadores, seu Almiro Grings – infelizmente estava fechada. Havia na porta os números de telefone que podíamos ligar, mas optamos por seguir sem conhecer o Sr. Almiro (foi uma pena). Dali, seguimos para Igreja matriz, infelizmente estava fechada.

O caminho começa com um pequeno trecho de asfalto subindo em direção do pico do Gavião. Aos poucos Águas da Prata vai ficando para trás não demora e o cheiro de mato toma conta de tudo junto com o cheiro, os sons dos pássaros e das águas.

Após alguns quilômetros , encontramos pela primeira vez, peregrinos no percurso.Dois jovens ( Diego e Alexandre) que iniciaram o caminho em Sertãozinho – dispostos a percorrer 570km , já estavam caminhando a 11 dias. Um deles motivado pela busca da espiritualidade e outro agradecendo uma graça alcançada. Dois jovens de sorriso aberto e notavelmente de coração enorme.

 

Após percorrer, mas alguns quilômetros, passamos na entrada do Pico do Gavião.

Fiquei com vontade de convidar a Tereza para irmos ate o topo, mas desisti. O dia anterior tinha sido exaustivo e era necessário poupar energia para o que tínhamos pela frente.

Um pouco mais a frente passamos pela a Pousada do Gavião, mas estava fechada. Dali até Andradas foram mais 10 km. A descida antes de chegar à cidade foi bem difícil por conta das pedras e cascalhos que havia na estrada, exigiu muita força nos braços e atenção triplicada. 

Mas o visual da cidade vista dali é maravilhoso! Chegamos a Andradas por volta das 14h30min e decidimos ficar por ali. Vistamos a igreja e buscamos por um lugar agradável para o almoço, agora sem pressa. Encontramos na praça, pessoas que nos indicaram o restaurante Clube Rio Branco. Perfeito!!!!  Procuramos uma mesa próxima à calçada. Tínhamos que ficar de olho nas bikes. Pedimos uma cerveja gelada e comemos o melhor tutu a mineira da vida.

Ali escolhemos um hotel para ficar – o Palace Hotel. Foi um dia tranquilo!

 Próximo 4 ª Etapa 

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.